Pele hidratada: qual creme usar

A pele do rosto pode ser oleosa, mista ou seca, sendo que algumas áreas tem mais tendência à oleosidade, que é o “T da face” ou “Zona T”:

t da face

ZONA OLEOSA DA FACE http://beaute.notrefamille.com/

 

Já a pele do corpo costuma ser normal a seca, porque tem menos glândulas sebáceas. Quem tem acne, pode ter a área das costas e peitoral mais oleosa também.

Com a idade vamos perdendo mais glândulas e a pele ficando ainda mais seca.  Os cuidados com o banho são indispensáveis, e neste post falei sobre essas orientações.

A principal função da pele é de barreira, proteger nosso corpo do meio externo.  Ela evita a penetração de micro-organismos, substâncias químicas irritantes e alergia. Se não fosse ela, as bactérias, fungos e etc. entrariam em contato com nosso sangue e órgãos e morreríamos!

As reações químicas do corpo produzem água, e essa água das camadas profundas da pele  hidratam a camada mais superficial. E essa “hidratação profunda” depende da idade, local e ambiente, e é fundamental para não envelhecer.

Em algumas situações como dermatite atópica, acne, rosácea e psoríase, essa camada protetora da pele está fragilizada, com isso é muito importante usar hidratantes para poder compensar um pouco isso. Outro problema, é que mesmo sem essas doenças a pele ressecada é mais suscetível a infecções e alergias. Muito comum (e grave) são idosos com aquele perna “russa” de tão ressecada,  ali tem mini-fissuras, os quais as bactérias aproveitam e infeccionam, gerando doenças como erisipela e celulite infecciosa, que se não tratadas podem levar a sepse (infecção generalizada).

Qual seria a hidratação ideal?

Existem três mecanismos de hidratação:

  • Umectação
  • Oclusão
  • Hidratação ativa

Resumidamente:

Umectante=> retém a água da própria fórmula, a do ar e a que está na camada córnea (superficial da pele). Sempre associadas com algum oclusivo nos hidratantes prontos.

Exemplos: uréia, ácido hialurônico, glicerina, PCA, lactato de amônio e sódio (depende da porcentagem), arginina.

Oclusivo=> como o nome diz, ocluem a pele,  faz um ‘filme”que evita a perda de água produzida pelo próprio organismo.

Exemplos: vaselina, óleo mineral, parafina, lanolina, manteigas vegetais (karité, oliva, cacau…), silicone, óleos vegetais (macadâmia, abacate, girassol, milho, canola, buriti, uva, castanha…), ceras, …

Hidratação ativa(emolientes)=> este é mais complexo, eles conseguem permear pela camada córnea, retendo a água em toda extensão da pele.

hidratante

Dicas práticas(CORPO):

Seria a sequência:

1)Usar pouco sabonete, ou os syndets (sabonete sem sabão)

2)Passar o hidratante em creme imediatamente após (ele penetra na pele, são os chamados umectantes) . Ainda no banheiro(pela umidade maior do ar causada pelo vapor), até 3 minutos é o ideal, pq a água do chuveiro que entrou na camada externa da pele, vai ser retida por esse hidratante passado logo, aumentando o efeito dele.

Foi o quê expliquei acima, os umectantes retêm a água da camada córnea (a q vc entrou agora no chuveiro) e do ar (umidade maior do banheiro).

3)Usar um  óleo por cima  (ele “sela/oclui”a pele, não deixando a água evaporar)

Opção é misturar o óleo dentro do hidratante cremoso (melhor fazer como explicado acima, mas dia corrido, às vezes não é possível, e isso deixa a textura mais pegajosa oq não é agradável pra muitas pessoas)

Evitar hidratantes com muito cheiro ou cor (pra botar esses “aditivos” acaba diminuindo a porcentagem do que é importante, ainda aumenta risco de alergias)

O que mais encarece o hidratante são as substâncias calmantes/aditivos mais complexos ou que a base seja de uma água termal importada (que quem não tem doença de pele, não é fator mais importante), e a textura melhor também encarece (mais rápida absorção, melhor toque).

Se você não tem problema com isso, não acha que a pele fica pegajosa ou até gosta dessa sensação de hidratação, não precisa pagar caro, use as marcas consagradas (sem cheiro e cor) que tem em todos mercados e farmácias.  Se já é um problema isso pra você, ou tem alguma doença, ou então esses “comuns”não tão dando conta, converse com seu dermatologista e ele te indicará algumas marcas conforme a sua necessidade.

Pro rosto a fórmula precisa ser mais complexa, porque moramos num país tropical, e de pele oleosa. Mas cada vez mais são lançados novos hidratantes com funções específicas, ou aditivos como filtro solar e melhor textura. E para não dar acne, evite os oleosos, use os com formulação própria pro rosto, e lembre-se oleosidade e hidratação são coisas diferentes.

Referências:

Barco D, Giménez-Arnau A. Xerosis: a Dysfunction of the Epidermal Barrier. Actas Dermosifiliogr 2008; 99:671-682

Costa, Adilson. “Hidratação cutânea.” RBM Rev Bras Med 66 (2009): 15-21. NBR 6023

 

Autor: Dra. Violeta Tortelly

Formação Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)***** Residência em Dermatologia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)*****Mestranda na Universidade do Estado do Rio de Janeiro(UERJ)*****Professora no ambulatório de Alopecias na pós graduação de dermatologia do Hospital Naval Marcilio Dias*****Membro da equipe de parecer de dermatologia nos Hospitais Niterói D`or, Hospital Icaraí e Complexo Hospitalar de Niterói*****Preceptora/professora de Dermatologia no ambulatório do Hospital Universitário Pedro Ernesto de 2014-2016*****Fellow em Barcelona no Hospital Sant Creu e Sant Pau- 2013*****Membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Dermatologia Fluminense(SBD FL) gestão 2015-2016*****Título de especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e AMB***** Título de especialista em Hanseníase pela Sociedade Brasileira de Hansenologia (SBH) e AMB***** http://lattes.cnpq.br/6342177221536986